Unidos de Vila Isabel mostra prévia das fantasias e versão definitiva do samba

0
Fotos: Diego Mendes

Menos de uma semana após ter escolhido seu samba-enredo, a Unidos de Vila Isabel brindou sua comunidade na última sexta-feira (14), com mais uma grande noite rumo ao Carnaval 2023. A azul e branco, que se prepara para cantar o enredo “Nessa festa, eu levo fé!”, realizou um desfile especial em sua quadra para mostrar à comunidade, aos torcedores e a imprensa a beleza e capricho das fantasias que o carnavalesco multicampeão Paulo Barros está preparando para o próximo desfile.

Ao todo, figurinos de 28 alas foram exibidos na ocasião, graças à dedicação de 49 componentes que serviram como manequins vivos. Os trabalhos foram guiados com o auxílio de conteúdos audiovisuais que, num trabalho pedagógico diante dos componentes, exibiam vídeos das manifestações populares e religiosas nacionais e internacionais das quais o enredo trata. Músicas típicas de cada celebração também ajudavam a contar a história, bem como, é claro, as roupas diversas, coloridas e à altura da grandeza da Vila que Barros preparou. Todas serão doadas aos componentes, sem exceção e sem a utilização de alas comerciais, com fantasias à venda.

Fotos: Diego Mendes
Fotos: Diego Mendes
Fotos: Diego Mendes

Entre os destaques, esteve a ala de baianas, cuja fantasia é intitulada “No Largo do Bonfim, todos se vestem de branco” em referência à lavagem das escadarias da Igreja do Bonfim, em Salvador. Foi uma das mais aplaudidas da festa. Outros segmentos da agremiação também conheceram seus trajes, como a bateria Swingueira de Noel, que desfilará lembrando os festejos de São João, e a ala de passistas que brilhará simbolizando os casamentos da roça.

Fotos: Diego Mendes
Fotos: Diego Mendes

Ao longo da noite, além de festas brasileiras, a prévia do desfile lembrou eventos da Índia (“Holi, um festival de cores e da primavera”); do Egito (“No Egito, Bastet trazia boas colheitas”); China (“Brilham lanternas para o Ano Novo”); México (“No México, flores e velas guiam os espíritos”), entre muitas outras nações. Barros acompanhou tudo da plateia, junto ao presidente Luiz Guimarães; ao presidente de honra Aílton Guimarães Jorge, e outros quadros da Vila, incluindo a equipe do barracão da Cidade do Samba, responsável pelo auxílio ao artista na elaboração das fantasias.

O intérprete Tinga também apresentou a versão definitiva do samba-enredo recém-escolhido, após modificações pontuais feitas pela diretoria em parceria com o time do carro de som. A letra será gravada nos próximos dias para figurar entre as faixas do CD das escolas de samba do Rio e, em novembro, será amplamente divulgada a todo o Brasil no programa “Seleção do Samba” da TV Globo.

Confira a letra definitiva:

Viver, sentir prazer
Eu quero é mais
Me embriagar de tanto amor
Ver o sagrado e o profano
Em sintonia
Cair dentro da folia
Foi Deus Baco que ensinou
O mundo canta forte, canta alto
Pelas ruas o cortejo
No batuque e na dança
Pedir, agradecer e celebrar
É o dom de superar
Renovando a esperança

Eu sou da Vila
Batizado no terreiro
São Jorge protetor
Salve o padroeiro
A voz do morro
Traz o samba na raiz
O ano inteiro
Sou festeiro, sou feliz

Seguindo em frente
Encarando o dia a dia
É Garantido
E Caprichoso emocionar
Na explosão de cores
Show de alegria
Água de cheiro
Oferendas ao mar
Pulei fogueira anarriê
No arraiá brinquei
Na despedida também festejei
Renasce na saudade
A nossa devoção
Vou respeitando a diversidade
Seja qual for a religião

O Rei Momo convidou
Minha Vila Isabel
Nessa festa eu levo fé
Sou herdeiro de Noel
No tambor da Swingueira
Toda a luz do meu axé
Evoé… Evoé

SIGA-NOS INSCREVA-SE VÍDEOS EXCLUSIVOS
Artigo anteriorPortela vai cantar seus 100 anos na Sapucaí com o samba de Wanderley Monteiro
Próximo artigoParceria de Sombrinha e Aluísio Machado é campeã no Império Serrano
redacao@carnavalcarioca.net.br

Deixe uma resposta:

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.