Viradouro recebe jornalista importante na luta pela inclusão de negros e indígenas

0
Foto: Divulgação

A jornalista e escritora Luana Genót, fundadora e diretora-executiva do Instituto Identidades do Brasil (ID_BR), que apoia empresas e organizações no desenvolvimento de ações afirmativas para a inclusão de negros e indígenas, esteve no barracão da Unidos do Viradouro, na Cidade do Samba. A convite do presidente Marcelinho Calil e de Erika Januza, rainha de bateria, Genót conheceu o projeto do desfile da vermelho e branco para o Carnaval 2023.

O carnavalesco Tarcísio Zanon mostrou os desenhos das alegorias e fantasias, que vão ilustrar o enredo “Rosa Maria Egipcíaca”, africana que foi escravizada, prostituta, beata e a primeira mulher negra a escrever um livro no país. Ela viveu no Rio de Janeiro e em Minas Gerais no século XVIII.

Os diretores Alex Fab e Dudu Falcão também recepcionaram a escritora, que estava acompanhada pela também jornalista Tatyane Amparo e por Tom Mendes, diretor-financeiro do (ID_BR).

Foto: Divulgação
SIGA-NOS INSCREVA-SE VÍDEOS EXCLUSIVOS
Artigo anteriorFortalecendo seu time, União de Jacarepaguá anuncia a chegada do novo diretor de musas e musos
Próximo artigoImperatriz Leopoldinense convida Portela e Beija-flor para reencontro histórico
Locutor nas escolas de samba do RJ, analista de sistemas, jornalista (RG 0039675-RJ), compositor e intérprete. Administrador do site CARNAVAL CARIOCA.

Deixe uma resposta:

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.