União de Jacarepaguá investe em dupla de carnavalescos para o próximo Carnaval

0
Foto: Divulgação

Potencializando o time pensando em seu retorno a Marquês de Sapucaí no próximo ano, a União de Jacarepaguá promove mais um reforço visando o desfile pela Série Ouro da LIGA-RJ. Dando continuidade ao excelente trabalho desenvolvido em 2022, a diretoria renovou o contrato do carnavalesco Lucas Lopes, que assinou o enredo na qual a escola foi campeã pela Série Prata, e reforça o elenco com a chegada de Rodrigo Meiners.

Apesar dos 26 anos de idade, Rodrigo já tem onze trabalhando no Maior Espetáculo da Terra. O jovem, que iniciou sua carreira com apenas 14 anos de idade fazendo ilustrações para o carnavalesco Severo Luzardo. Passou por inúmeras escolas como União da Ilha do Governador, Império Serrano, Acadêmicos do Cubango e Paraíso do Tuiuti. Em 2019, recebeu o convite para assinar seu primeiro Carnaval na Mocidade Unida da Mooca, no grupo de acesso do Carnaval paulistano. Este ano, retorna ao Rio ingressando pela primeira vez como carnavalesco.

“Fazer minha estreia como carnavalesco no Rio numa escola como a União de Jacarepaguá, na qual já fiz parte há uns anos atrás, no Departamento Cultural é uma felicidade enorme. Agradeço pelo excelente tratamento e a forma como fui recebido”, declara Rodrigo.

Lucas Lopes fala sobre essa nova jornada ao lado de Meiners e os desafios que vem junto a ele.

“As expectativas são as melhores. Eu e Rodrigo estamos em plena sintonia no trabalho que está se desenvolvendo. Duas cabeças pensando para um grande propósito que é criar um grande Carnaval em nossa estréia como carnavalescos na Sapucaí e na volta da querida e gigante União de Jacarepaguá”, afirma Lucas.
“Desejo ao Lucas Lopes, que é meu novo parceiro, que possamos juntos criar esse projeto bem bacana para que a União permaneça na Sapucaí onde ela merece estar por direito!” completa Rodrigo.

Vale lembrar que, a que o enredo da verde e branco chama-se “Manoel Congo, Mariana Crioula. Heróis da liberdade no Vale do Café”, que contará histórias sobre os escravos consagrados como heróis na revolta do Vale do Paraíba em 1838.

SIGA-NOS INSCREVA-SE VÍDEOS EXCLUSIVOS
Artigo anteriorUnidos do Viradouro define data para entrega da sinopse aos compositores
Próximo artigoEstação Primeira de Mangueira une tradição e inovação em novas apostas
redacao@carnavalcarioca.net.br

Deixe uma resposta:

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.