Acadêmicos do Salgueiro divulga a ordem de apresentação dos sambas

Parcerias foram divididas em duas chaves com dez obras cada.

0
Foto: Divulgação

A quadra do Acadêmicos do Salgueiro se prepara para, a partir deste sábado (7), retomar gradativamente suas atividades, tendo a disputa que vai eleger o hino oficial como pontapé inicial. Ainda em formato diferente, tendo apenas a presença de convidados e dos responsáveis pela avaliação das obras inscritas, a vermelho e branco fará nova audição após oito meses de espera e de muita ansiedade por parte dos compositores e de todos os envolvidos no processo de organização e realização da maior festa popular no país.

Neste processo de retomada da disputa, a diretoria autorizou que as composições sofressem adaptações nas letras. Das 20 obras que se apresentarão divididas em duas chaves, doze fizeram modificações, as quais serão conhecidas durante as eliminatórias.

“Ainda estamos estudando a melhor forma de retomar nossas atividades seguindo o protocolo de segurança sanitária e oferecendo conforto para o nosso público. Todos estamos ansiosos por esse retorno, mas tudo deve ser feito com cautela. A gente está se movimentando acompanhando os passos das autoridades e o andamento da campanha de vacinação. É muito importante essa conscientização da população para que a gente volte a ter a alegria de ver a quadra do Salgueiro recebendo os sambistas”, disse o presidente André Vaz.

Eliminatória / 07 de agosto
Ordem de apresentação:

SAMBA 13 – Parceria de Roberto Zuk
SAMBA 07 – Parceria de Demá Chagas
SAMBA 14 – Parceria de Cesar Nascimento
SAMBA 18 – Parceria de Leonardo Bessa
SAMBA 04 – Parceria de Filipe Zizou
SAMBA 24 – Parceria de Guinga do Salgueiro
SAMBA 15 – Parceria de Guilherme Sá
SAMBA 12 – Parceria de Sereno
SAMBA 21 – Parceria de Viny Machado
SAMBA 23 – Parceria de Márcio André

Eliminatória / 14 de agosto
Ordem de apresentação:

SAMBA 17 – Parceria de Gilmar L. Silva
SAMBA 20 – Parceria de Antonio Gonzaga
SAMBA 06 – Parceria de Xande de Pilares
SAMBA 11 – Parceria de Rafa Recht
SAMBA 16 – Parceria de Tiãozinho
SAMBA 02 – Parceria de T’Nem
SAMBA 19 – Parceria de Sidney Sá
SAMBA 09 – Parceria de Grazzi Brasil
SAMBA 05 – Parceria de Maralhas
SAMBA 03 – Parceria de Almirzinho Jr.

Os classificados serão divulgados apenas após a apresentação das duas chaves e a semifinal do concurso está prevista para acontecer no dia 28 de agosto. Em 2022, a escola será a terceira a desfilar no domingo de folia, em busca do décimo campeonato apresentando, o enredo “Resistência”. Desenvolvido pelo carnavalesco Alex de Souza e chancelado por Helena Theodoro, o tema apresentará locais cruciais para o estabelecimento, reconhecimento e perpetuação da cultura negra no Rio de Janeiro.

Artigo anteriorEstação Primeira de Mangueira divulga datas das proximas eliminatórias
Próximo artigoParaíso do Tuiuti apresenta sambas finalistas e recebe a Beija-flor
Locutor nas escolas de samba do RJ, analista de sistemas, jornalista (RG 0039675-RJ), compositor e intérprete. Administrador do site CARNAVAL CARIOCA.

Deixe uma resposta:

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.