Decreto proíbe desfiles de blocos e escolas de samba no Carnaval

Medida é válida entre 12 e 22 de fevereiro e tem como objetivo evitar aglomerações por causa da pandemia.

0
Foto: Prefeitura do Rio

A Prefeitura da cidade do Rio de Janeiro publicou nesta sexta-feira (5), em Diário Oficial, um decreto que proíbe a concentração e desfile de blocos de rua e escolas de samba no período entre 12 e 22 de fevereiro deste ano. O objetivo da medida é evitar aglomerações durante o período carnavalesco devido à pandemia.

As escolas de samba e os blocos já tinham afirmado que não fariam qualquer apresentação na cidade durante o Carnaval. A prefeitura também havia suspendido o ponto facultativo da segunda-feira (15), apesar do feriado de terça-feira (16) estar mantido. Está proibida a entrada de ônibus e outros veículos de fretamento na cidade durante esse período. A exceção são aqueles que prestem serviço regular para empresas e hotéis.

“Não comprem ingressos pois vocês terão uma enorme possibilidade de perder dinheiro. estamos monitorando as redes sociais e os sites de vendas online. Não vamos permitir que essas festas aconteçam. Desculpe a expressão chula, ‘não sejam otários’ em dar dinheiro aos que não vão entregar o produto oferecido”, disse o prefeito Eduardo Paes.

Quem descumprir esta determinação poderá ter bens e equipamentos apreendidos. Estão previstas multas e interdições de estabelecimentos, caso as apresentações ocorram nesses locais. Outras agremiações que infringirem o decreto serão proibidas de desfilar em 2022.

Artigo anteriorMuseu do Samba homenageia Dona Zica com live e vários convidados
Próximo artigoIntérprete Thiago Brito está de volta a Unidos de Bangu
Locutor nas escolas de samba do RJ, analista de sistemas, jornalista (RG 0039675-RJ), compositor e intérprete. Administrador do site CARNAVAL CARIOCA.

Deixe uma resposta:

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.