Beija-flor de Nilópolis

0
Foto: Rodney de Figueiredo

SAMBA / BATERIA

Presidente:
Ricardo Abrão David

Enredo: “Quem não viu, vai ver…
As fábulas do Beija-flor”
Comissão de Carnaval:
Victor Santos,
Bianca Behrends
Rodrigo Pacheco,
Léo Mídia
Cid Carvalho e Válber Frutuoso

Mestres de Bateria:
Plínio e Rodney

Compositores: Di Menor BF
Júlio Assis, Kiraizinho
Diego Oliveira,
Fabinho Ferreira
Diogo Rosa,
Dr. Rogério
Carlinho Ousadia, Márcio França

Kaká Kalmão, Jorge Aila
e Serginho Aguiar

Intérprete:
Neguinho da Beija-flor

Nascido feito
O Rei Menino
Em ninho de amor
E humildade
Meu Pai direcionou
O meu destino
Voar nas asas
Da felicidade
E arrisquei um voo
Nesse lindo azul
Um mundo encantado
Pude recordar
Em fábulas bordei
A fantasia
Ê saudade que mareja
O meu olhar
Herdeiro dessa
Terra me tornei
Cantei nossos
Recantos, tradições
Sou eu aquele
Festival de prata
Que na pista arrebata
Tantos corações

Ôôôô axé
Que no sangue herdei

No meu quilombo
Todo negro é Rei

Abre a senzala
Abre a senzala

Nesse terreiro, o samba
É a voz que não cala

Cresci…
Ouvindo acordes
Entre doces melodias
A bela dama
Retratada em poesia
E o canto de cristal
A simplicidade no amor
Aquele beijo na flor
Fez mais um sonho real
Pátria amada da ganância
Eu pedi socorro
Pelos filhos teus
Algoz da intolerância
Mesmo proibido
Fui a voz de Deus
Toda essa grandeza
Vem da nossa gente
Que esquece a dor
E só quer sambar
É por esse amor
Que o meu valor
Me faz brilhar
Comunidade me ensinou
A ser apaixonado
Como eu sou
Ontem, hoje, sempre
Beija-flor

Oh Deusa
Tem festa
No meu coração

Desfilo toda gratidão
Razão do meu cantar
A luz do meu viver
O que seria de mim
Sem você?

Artigo anteriorAcadêmicos do Salgueiro
Próximo artigoImperatriz Leopoldinense
Locutor nas escolas de samba do RJ, analista de sistemas, jornalista (RG 0039675-RJ), compositor e intérprete. Administrador do site CARNAVAL CARIOCA.

Deixe uma resposta:

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui