Wantuir comemora 30 anos de Sapucaí com samba, futebol e feijoada

Completar 30 anos em qualquer profissão não é para qualquer um, certo? Em um mundo competitivo como o do samba, essa missão é ainda mais difícil. E uma das vozes mais tradicionais do Carnaval Carioca vai comemorar este feito no próximo sábado, 1º de abril.

Wantuir, começou como apoio de Dominguinhos do Estácio, com quem cantou por 10 anos e a 20 vem sendo intérprete oficial de várias agremiações dos carnavais do Brasil.

Para comemorar esta data festiva, o atual bicampeão do carnaval de Uruguaiana/RS, defendendo Os Rouxinóis vai juntar todos os seus amigos em uma super feijoada, no Clube Recreativo Caxiense, na Baixada Fluminense.

O evento que será apresentado por Milton Cunha já tem as presenças confirmadas de Ito Melodia, Tinga, Ciganerey, Emerson Dias, Leozinho Nunes, entre outros. A bateria “Super Som” do Paraíso do Tuiuti, os grupos Nosso Perfil, Pra Pagodear, Barulhaê, Dinâmica e Panela de Barro, também estarão no evento tocando o melhor do samba e do pagode.

Comemorando 60 anos de vida, Wantuir fala da alegria de juntar os amigos.

“O que a gente leva desta vida são as amizades e os bons momentos. Me sinto privilegiado de poder juntar tanta gente boa a minha volta”, disse o vencedor do Estandarte de Ouro de melhor intérprete em 2005 e 2007.

Apaixonado por futebol e rubro-negro de coração, ele será o responsável também pela organização de uma partida de futebol entre os seus amigos e o time do SAFERJ – Sindicato dos Atletas de Futebol do Estado do Rio de Janeiro.

A entrada é franca e a feijoada será liberada até às 16h. O intérprete pede aos convidados que levem um quilo de alimento não perecível para ser doado as instituições de caridade.

Serviço:
Wantuir: 30 anos de carreira e 60 de vida
Atrações: Intérpretes do mundo do Samba
Grupos de Pagode, entre outros
Data: 1º de abril de 2017 (sábado)
Horário: A partir das 13h
Local: Clube Recreativo Caxiense
Endereço: Rua Manoel Vieira 397 – Centro de Caxias/RJ
Entrada franca / Feijoada liberada até às 16h

Comentários

Comentários