“A divina comédia do carnaval”
Carnavalescos: Renato Lage e Márcia Lage

SAMBA CAMPEÃO
MARCELO MOTTA, FRED CAMACHO, GUINGA DO SALGUEIRO

GETÚLIO COELHO, RICARDO NEVES E FRANCISCO AQUINO
INTÉRPRETE: IGOR SORRISO

VOU EMBARCAR EM ILUSÕES
À LOUCURA ME ENTREGAR
PRAZER…
SOU POETA DELIRANTE, O AMANTE
NA PROFANA LIBERDADE
DEVOTO DA INFERNAL FELICIDADE
QUERO O GOSTOSO VENENO DO BEIJO
SACIAR O MEU DESEJO
ME EMBRIAGAR
NOS BRAÇOS DA FOLIA ME JOGAR

VOU ME PERDER PRA TE ENCONTRAR
ENLOUQUECER, MORRER DE AMAR!
PRA QUE JUÍZO, AMOR? A NOITE É NOSSA
DO JEITO QUE O PECADO GOSTA!

SINTO MINH´ALMA SE PURIFICAR
VISLUMBRAR…
O PARAÍSO, NO FIRMAMENTO
TRÊS “COM SAGRADOS” TALENTOS
“VÊ, ESTÃO VOLTANDO AS FLORES”
LÁ, ONDE RESSOAM TAMBORES
TOCA BATUQUEIRO, DOBRE O RUM
AOS PRESENTES DE ORUM…
GIRA BAIANA E FAZ DO CÉU UM TERREIRO
TINGE ESSA AVENIDA DE VERMELHO
É NOSSA MISSÃO, CARNAVALIZAR A VIDA
VIDA É FEITA PRA SAMBAR!
DESSA PAIXÃO QUE ENCANTA O MUNDO INTEIRO

SÓ ENTENDE QUEM É SALGUEIRO
SÓ ENTENDE QUEM É SALGUEIRO



XANDE DE PILARES, DUDU BOTELHO, MIUDINHO

BETINHO DE PILARES, JASSA E RALFE RIBEIRO
INTÉRPRETES: ITO MELODIA E TUNINHO JUNIOR

SE ESSA BARCA NÃO VIRAR
OLÊ OLÁ… EU CHEGO LÁ SALGUEIRO
ME FIZ POETA NESSE “RIO DE ILUSÃO”
NA TENTAÇÃO… DE FEVEREIRO
AH! MEU DEUS MAS QUE CALOR
ONDE É QUE EU VIM PARAR
MEU BALANCÊ VAI BALANÇANDO ESSE CORDÃO
PEGA FOGO O SALÃO
DÁ VONTADE DE FICAR
EU JURO QUE NUNCA VI NADA IGUAL
ESTOU SENTINDO UMA ALEGRIA INFERNAL

QUEM É DO SALGUEIRO É… DE CORAÇÃO
MINHA ESCOLA É DIFERENTE NA EMOÇÃO
SE NÃO É PECADO AMAR… VEM SAMBAR
DEIXA QUEM QUISER JULGAR

É HORA DE SONHAR E CONTEMPLAR A IMENSIDÃO
A NATUREZA… OH! DIVINA CRIAÇÃO
A ENERGIA VEM NO TOQUE DO TAMBOR
A MINHA HERANÇA TEM A BENÇÃO DE OXALÁ
EU SOU NAGÔ EU SOU YORUBÁ… AXÉ
ESTRELAS QUE BRILHAM NO TOM DA SAUDADE
SANTÍSSIMA TRINDADE
SÃO OS DEUSES DA ARTE
O ETERNO GÊNIO QUERUBIM
O MENINO QUE VIROU UM REI
E O MESTRE QUE EU SEMPRE REVERENCIEI

VAI MEU SAMBA RISCA O CÉU DE POESIA
DEIXA A MARCA DESSE AMOR
AO SOM DA FURIOSA BATERIA



DEMÁ CHAGAS, ANTÔNIO GONZAGA, RENATO GALANTE

LEONARDO GALLO E VANDERLEI SENA
INTÉRPRETES: TINGA E LEOZINHO NUNES

LÁ VEM SALGUEIRO… É FEVEREIRO!
VERMELHO É FEBRE NO MEU CARNAVAL
PEGUE CARONA, VEM NA BARCA DO TINHOSO
PRA SE PERDER NESSA ALEGRIA INFERNAL
NO BALANCÊ BALANCÊ QUERO O TEU CALOR
SENTIR QUEIMAR NO FOGO DO TEU AMOR
SOAM CLARINS PRA ANUNCIAR
Ô ABRAM ALAS QUE EU QUERO PASSAR

NEM MELHOR, NEM PIOR… DIFERENTE!
PECADO SERIA EU NÃO ME ENTREGAR
ENLOUQUECER O CORPO E A MENTE
NUM BEIJO ARDENTE ME PURIFICAR

VEJO ESTRELAS NO FIRMAMENTO
E AO TEU LADO LÁ VOU EU
NAS ASAS DE SERES CELESTIAIS
TODO O LIRISMO DOS ANTIGOS CARNAVAIS
MINHA ALMA CANTA DE SAUDADE
DA SANTÍSSIMA TRINDADE
QUE O POVO ETERNIZOU
NO TOQUE AFRO DO TAMBOR
ORUM NOS ABENÇOOU, AYÊ É CELEBRAÇÃO
MEU SONHO DESFILOU… E CARNAVALIZOU!
NA APOTEOSE, A SALVAÇÃO
MEU CÉU EM PLENO CHÃO!
SOU DO POVO, REPRESENTO UMA NAÇÃO
NADA IMPORTA! MEU SAMBA É RELIGIÃO!
ACIMA DO BEM E DO MAL
SOU SALGUEIRO ATÉ MORRER!

VOCÊ VAI VER, DEIXA O CALDEIRÃO FERVER



GERSON BABINHA, LUIZ CARLOS BOCHECHA
ZECA CABEÇA BRANCA

JOÃO DO VIOLÃO, SANDRO MERÇON E PEDRO MIRANDA
INTÉRPRETE: LID

RETRATANDO O PENSAMENTO DO ARTISTA
DANTE, O POETA IMORTAL
CRIADOS DA DIVINA COMÉDIA
QUE APRESENTAMOS NESTE CARNAVAL
UM DOCE DELÍRIO DO INFERNO AO PARAÍSO
NUMA ODISSÉIA TRIUNFAL
PURA SEDUÇÃO, GOSTOSO PECADO
ABENÇOADO PELOS “TENENTES DO DIABO”

DELIREI… DELIREI! DELIREI!
NUM SONHO INFERNAL
E ACORDEI COM A ACADEMIA
NESTA APOTEOSE DIVINAL

VEM, VEM, MEU AMOR
O CALDEIRÃO ESTÁ FERVENDO
VEM CAIR NA ORGIA NO “CORDÃO DOS PENITENTES”
ONDE LAVO MINHA ALMA DOS PECADOS CAPITAIS
PURIFICADO, SIGO EM FRENTE
COM OS “RANCHOS TRADICIONAIS”
UM “CORSO ESPACIAL” ME LEVA AO “ORUM”
QUE MARAVILHA! QUE EMOÇÃO!
CARNAVALIZANDO A VIDA NO ALÉM
PAMPLONA, ARLINDO E JOÃO

HOJE EU SOU PEREGRINO DA FOLIA
VIM AQUI COMUNICAR
QUE A ORDEM DO REI É SAMBAR!

SALGUEIRO É FOGO!
É MINHA PAIXÃO!
É CHAMA QUE ARDE
NO MEU CORAÇÃO!



JOÃO FERREIRA, RICARDO TAMPASCO E HUG FERREIRA

INTÉRPRETE:

TIVE UM SONHO TÃO BONITO
MERGULHEI NO INFINITO
ME PERDI NA IMENSIDÃO
NESTE LINDO DEVANEIO
EM POESIA CONQUISTEI SEU CORAÇÃO
E NESSA ONDA QUE EU VOU
CURTIR O MEU CARNAVAL
NUM BALANCE, BALANCE
NUMA ALEGRIA INFERNAL
EU SOU POETA ETC… E TAL
EU SOU POETA ETC… E TAL

VOZES ECOAM O AR
NAS PROFUNDEZAS DA ILUSÃO
TEM REBOLIÇOS, BLOCOS E SOCIEDADES
CAMINHOS QUE ME CONDUZ
PRO JARDIM DO ÉDEM
PARAÍSO ETERNIDADE
QUE PURIFICA TODA HUMANIDADE

CLAREIA, CLAREIA
ILUMINA O MEU CANTAR
A ACADEMIA ESTÁ EM FESTA
PRA DIVINA COMÉDIA PASSAR

CHEGO AO PORTAL DO PARAÍSO
OUÇO TAMBORES RUFAR
SAUDANDO CONGO E AUCÁ
DEUSES E HERÓIS DE YORUBÁ

SOU MENINO SOU REI EM MEMÓRIA
NO ESPETÁCULO MAIOR VIREI HISTÓRIA
ME CARNAVALIZEI
FELICIDADE 
NO SALGUEIRO ENCONTREI



LUIZ PIÃO, GILMAR L. SILVA, IVAN RIBEIRO

E JOÃO CONGA
INTÉRPRETES: HUDSON E ALEXANDRE D’MENDES

VEM NESSA MEU AMOR! EMBARCA
VIAGEM AO MUNDO IRREAL
É NO BALANCÊ
QUE EU LEVO A MASSA PRO CARNAVAL
QUEM SOU EU? SALGUEIRO
AVENTUREIRO DA ILUSÃO
OUÇO CLARINS, REINO PAGÃO
VIBRA EM MIM O CALOR DOS SALÕES
DAS TREVAS GUARDEI AS VISÕES

DEIXA O FOGO ARDER
A CHAMA QUEIMAR
NÃO QUERO SABER
EU VOU ME ACABAR

BICHO SOLTO NOS CORDÕES
SÃO FOLIÕES EM BUSCA DA LUZ
QUE NOS LEVA AO PARAÍSO
UM MUNDO DE FLORES
PORTAL DO INFINITO
GIRANDO COMO UM CARROSSEL
BRINCANDO NAS NUVENS
SAMBAR NAS ESTRELAS
SALGUEIRO BORDADO EM BRANCO E VERMELHO
NO REINO SAGRADO DE ORUM
OS MAGOA ENFEITARAM O CAMINHAR
NO RUFAR DO TAMBOR! AFRICANIDADE
A LIBERDADE ECOOU E OLORUM ABENÇOOU

EU EMBALEI A FANTASIA
SOU UM POETA DA ACADEMIA
HOJE O MEU SONHO É TÃO REAL
DIVINA COMÉDIA DO CARNAVAL



GUILHERME EUZÉBIO

INTÉRPRETE:

Ô TREME TERRA DOM SALGUEIRO A VELHA GUARDA E NOS AÍ
TEM VERMELHO E BRANCO, POETA NA BELA SAPUCAÍ

OLÊ OLÊ OLÊ OLÁ SE NÃO VIRA COM CERTEZA CHEGA LÁ
O JOÃO DO RIO LANÇA VERSO PELO MAR
MAS QUE CALOR ENTOA O FOLIÃO
MEU BALANCÊ GANHARÁ SEU CORAÇÃO
É CONFETE E SERPENTINA BELEZA TRIUNFAL
O SENHOR DAS PROFUNDEZAS VEM BAILAR O CARNAVAL

CHUVA DE FLORES, PURGATÓRIO OU CÉU
BORBOLETAS LUA DE MEL VEM MOMO REI É RITUAL
NO JARDIM DO ÉDEN DANÇA ASSIM NÃO VIRA O SAL

NOITE ESTRELA RELUZENTE
ENCANTOU APOTEOSE AA UMA GLÓRIA DE AMOR
AXÉ YORUBÁ AXÉ YORUBÁ
O PARAÍSO CLAMA OS DEUSES A ENCARNAR
SANTA ACADEMIA ECOA AO PAI LEAL
ARLINDO QUERUBIM ARLEQUIM CELESTIAL
DOM FERNANDO BALUARTE JOÃO
FURIOSA NO COMPASSO DO SURDÃO

SAMBA SALGUEIRO TERÁ SALVAÇÃO
A RAIZ EM SHOW COMÉDIA GÊNIO NEGRO PURO IRMÃO



ARK, AUGUSTO CHAVES E ZÉ AFONSO

INTÉRPRETE: ALEX MEIRELLES

VAMOS NAVEGAR PELOS ASSOMBROS
DESTA LOUCA FANTASIA
QUE O SALGUEIRO PROMOVEU
BALANCEANDO
PELAS ONDAS DA FOLIA
NUMA FEBRE DE ALEGRIA
QUE EMBALAVA OS SONHOS MEUS
SÃO MILHARES DE VOZES QUE PROCLAMAM
O PROFANO NUM GRANDE ZUM ZUM ZUM
LIBERTE A FERA
QUE SE ESCONDE EM CADA UM
AI QUE SAUDADE
DAS GRANDES SOCIEDADES
COM SEU LUXO E SEU GLAMOUR
MULHERES LINDAS ENFEITAVAM OS ESTANDARTES
DEMONSTRANDO A GRANDE ARTE
DA CRIA DO CRIADOR
E OS CLARINS ANUNCIAVAM
OS TENENTES DO DIABO VÃO PASSAR
VEM PRA AVENIDA VENHA VER
O QUE O SALGUEIRO VAI MOSTRAR

QUE COISA LINDA
PECADO É NÃO SE ENTREGAR
A DIVINA CRIAÇÃO
E OS DEUSES DE YORUBÁ

PAMPLONA FOI O GRANDE PROFESSOR
JOÃOZINHO SEU ALUNO E SUCESSOR
NA ACADEMIA DOS BAMBAS
MARCARAM OS CARNAVAIS
E COM ARLINDO, SE TORNARAM IMORTAIS

OLHA O SALGUEIRO BRILHANDO
MOSTRANDO SEU ALTO ASTRAL
TRAZENDO PRA AVENIDA
A DIVINA COMÉDIA NESSE CARNAVAL



FLÁVIO OLIVEIRA DO SALGUEIRO

INTÉRPRETE: BRAGUINHA

OLHA O SHOW DA ACADEMIA AÍ
NEM MELHOR, NEM PIOR
SOU SALGUEIRO, VOU ME EXIBIR
“PEGA NO GANZE NO GANZÁ”… PRA SACUDIR
E “COBRIR DE VERMELHO” A SAPUCAÍ

NA EMOÇÃO… VOU VIAJAR
NO REINO ENCANTADO DE MOMO, MERGULHAR
NA BARCA DO INFERNO EU CHEGO LÁ
“SE A CANOA NÃO VIRAR”
ENTRE CONFETE E SERPENTINA… ME ACABAR
COM OS “TENENTES DO DIABO”
NO “BLOCO DOS MASCARADOS”
GRANDES SOCIEDADES…
OUÇO O CLARIM ANUNCIAR
“ABRAM ALAS”, PRA FOLIA COMEÇAR

ÁGUA DE CHEIRO… LANÇA-PERFUME
RECORDAÇÕES, MIL AMORES
VOU NO CORTEJO DA EXPURGAÇÃO
RUMO A ESTAÇÃO DAS FLORES

SAMBA… ESCOLA DE BAMBA
CORDA E CAÇAMBA
LÁ NO SALGUEIRO… TRADIÇÃO
SAMBA… É CULTURA… É ARTE
TRAZ NO SEU ESTANDARTE
“LAVAPÉS”… PÉS NO CHÃO
NAVEGANDO NUM SONHO DIVINAL
NA APOTEOSE…
AVISTO O “ORUM” DOS ORIXÁS
SOB APLAUSOS ARLINDO, O GENIAL
“REI DO LIXO E DO LUXO”
JOÃO, O MAGISTRAL
E O DIVINO FERNANDO PAMPLONA
“OLORUM DO CARNAVAL”

QUEM SOU EU?
NA DIVINA COMÉDIA DO CARNAVAL
MUITO PRAZER, MEU NOME É “DANTE”
POETA, ERRANTE… VIAJANTE DO CORSO ESPACIAL



BETTO MOURA, PAULO BISPO, ALEX MORENO

E RODRIGO MEDEIROS
INTÉRPRETES: PAULO BISPO E EDU CHAGAS

VAMOS EMBARCAR NESTA FOLIA
OLÊ… OLÊ… OLÁ…
NA MINHA LOUCA POESIA
O MEU RIO DE DELÍRIOS NAVEGAR
É HOJE QUE EU ME ACABO
NOS “TENENTES DO DIABO”
NINGUÉM VAI ME SEGURAR
ESTOU PRO QUE DER E VIER
SEJA FELIZ QUEM PUDER

MAS QUE CALOR Ô Ô
QUERO FAZER AMOR
O PRAZER NÃO TEM JUÍZO
VEM PECAR COMIGO PRA DEPOIS
SE PURIFICAR NO PARAÍSO

SOU DANTE PEREGRINO ERRANTE MENINO
DAS ESTRELAS EM CARROSSEL
NA APOTEOSE TOMO UM PORRE DE ALEGRIA
CARNAVALIZANDO A VIDA
EM FANTASIAS QUE VÊM LÁ DO CÉU
AXÉ ORUM SALVE NOSSO ASTRO REI
PAMPLONA A TUA ARTE
É MAIOR QUE A IMENSIDÃO
MESTRE DOS MESTRES ARLINDO DIVINAL
E O PEQUENO GIGANTE JOÃO

SOU SALGUEIRO A MINHA BATERIA
É FURIOSA E ARREPIA
NA DIVINA COMÉDIA DO CARNAVAL
EU TÔ AQUI PRA LEVANTAR O TEU ASTRAL



LIESBETH NUNES E RICO TEIXEIRA

INTÉRPRETES: IGOR VIANNA E THAYAN MINA

POR MARES NUNCA “DANTES” NAVEGADOS
NOS MISTÉRIOS EMBARCAR
NOS BALANÇOS DESTAS ONDAS, DESTE MAR
COM A FANTASIA EU VOU ME ENCONTRAR
A CHAME ARDE NUMA FEBRE DE ALEGRIA
QUEIMA, INCENDEIA O CORAÇÃO
NO INFERNO UM LOUCO FOLIÃO
FAZ BAGUNÇA NO SALÃO
NO INFERNO BEM DANTESCO DESSA VIDA
SIGO A PROCISSÃO OUVINDO O TOQUE DOS CLARINS
NAS PROFUNDEZAS O DIABO TRIUNFOU
O REI MANDOU ME BANHAR, MINHA ALMA ENFIM SE LAVAR
CHEGOU A HORA DA PARTIDA

ABRAM ALAS PRO CORDÃO DA PENITÊNCIA
O MEU PECADO É NÃO ME ENTREGAR
QUANDO O CORTEJO PASSAR QUERO SER MAIS FELIZ
VIVER O SONHO QUE EU SEMPRE QUIS

PURIFICADO EU ME ENCANTO AO FIRMAMENTO
GIRAM ESTRELAS NESTE IMENSO CARROSSEL
PELO INFINITO SIGO O RASTRO DA POEIRA
NO PARAÍSO SINTO A FORÇA DA MAGIA
E O TAMBOR QUE ANUNCIA A CHEGADA TRIUNFAL
QUE ABENÇOADA VAI PASSAR A ACADEMIA
PELA SANTÍSSIMA TRINDADE DO CARNAVAL
MINHA ALMA SORRIDENTE RECEBIA
A VISITA DE ORUM E OS DEUSES DE YORUBÁ
TRAZ AXÉ AXÉ DOS ORIXÁS

O MUNDO RENASCEU
NO SONHO DO AVENTUREIRO
MUITO PRAZER MEU SENHOR… EU SOU SALGUEIRO

FURIOSA CHAMOU, CHAMOU PRA SAMBAR
E A NOSSA MISSÃO É A FELICIDADE
O SALGUEIRO TAÍ, TAÍ PRA FICAR
E A COMÉDIA DIVINA LHE APRESENTAR



ZANK MORENO

INTÉRPRETE: ZANK MORENO

SOU AVENTUREIRO SONHADOR
POETA ERRANTE
EM UMA VIAGEM DESLUMBRANTE EMBARQUEI
A REALIDADE SAI DE CENA
E OS MISTÉRIOS DOS TRÊS REINOS VISITEI
NO BALANCÊ DAS ÁGUAS ASSOMBRADAS
MERGULHEI NOS BRAÇOS DA ILUSÃO

NUMA ESFUZIANTE ALEGRIA
SEM RAZÃO DO DIA A DIA
COMO SE NÃO HOUVESSE O AMANHÃ

UM CORTEJO DESVAIRADO
DE FOLIÕES SEM CULPA DO PECADO
AGOTA A LADEIRA DE PAIXÃO E PRAZER
FOI PRECISO RENASCER
ATÉ O PARAÍSO ENCONTRAR
NO TEMPLO DA DIVINA CRIAÇÃO
ONDE O UNIVERSO RELUZ
BATE FORTE O CORAÇÃO
IGUAL AO TOQUE DO TAMBOR QUE ME SEDUZ
AÍ MINHA MENTE VAGUEIA
CONTEMPLANDO ARTES GENIAIS
DA TRINDADE DOS CARNAVAIS

Ô Ô Ô Ô Ô Ô Ô Ô Ô Ô
LÁ VEM O SALGUEIRO
NESSE DIA DE FOLIA
EXALANDO POESIAS
VERSOS DE FELICIDADES



FELIPE NAZÁRIO, MARCELO SOIDO
CHARLES MENDES 
E GIOVANE MELLO
INTÉRPRETES: FELIPE NAZÁRIO E GIOVANE MELLO

QUEM SOU EU? SOU SALGUEIRO!
NEM MELHOR, NEM PIOR… ACADEMIA!
UM POETA MEDIEVAL
MEU NOME É DANTE E RENASCI PRO CARNAVAL

EMBARQUEI E NAVEGUEI NOS RIOS DA FASCINAÇÃO
APORTEI NA NOSTALGIA DE UM ERRANTE FOLIÃO
DAS BATALHAS DE CONFETE E SERPENTINA
AVISTEI LOUCAS FANTASIAS
A LADAINHA NOS SALÕES A ECOAR
O REI MOMO A SUA CORTE É COMANDAR
NUMA ALEGRIA INFERNAL
A FURIOSA ELEVANDO MEU ASTRAL

UMA HORDA FESTEJANDO POR TODOS OS LADOS
DELEITANDO EM PRAZERES E PECADOS
DEPOIS SE ENTREGAR
EM ÁGUAS CLARAS MERGULHAR
PARA SE PURIFICAR

PARECIA UM SONHO, RISONHO EU FIQUEI
DAS FLORES, O ENCANTO
DE CARONA NESSE RANCHO
AO ORUM EU CHEGUEI
CONSTELAÇÃO QUE ME CONDUZ ÀS DIVINDADES
SANTÍSSIMA TRINDADE
OS MESTRES SUBLIME TALENTO
MOLDARAM EM ARTE O SENTIMENTO
NA ACADEMIA LANÇARAM A SEMENTE
QUE ETERNAMENTE FLORESCERÁ
POIS O SALGUEIRO É RAIZ
QUE NASCE EM QUALQUER LUGAR



LUIZ CARPINTEIRO, AVENAS, BETO BOMBEIRO

BETO CANÇÃO, THÉO DOMINGUES E SILVIO SANTANA
INTÉRPRETE:

É NO BALANÇO DA ACADEMIA QUE EU VOU
EMBARCAR NESSE MAR DE FANTASIA
NO BLOCO DOS MASCARADOS
SER DO MEU RIO A SIMPATIA
O FOGO DOS TENENTES DO DIABO
DEIXOU MEU CORAÇÃO ENFEITIÇADO
A MODA DE PARIS E DE VENEZA
FUI BATIZADO NA LUXÚRIA DA NOBREZA
NA SELVA DO CONFETE E SERPENTINA
A FERA DENTRO EM MIM SE LIBERTOU
O GOSTO DO PECADO ME FASCINA
AI QUE CALOR! SEDUÇÃO ME PEGOU

NA PRIMAVERA A DOR CULTIVA FLORES
DOS MEUS HORRORES EU VOU ME ARREPENDER
NÃO HÁ PECADO, A FLOR SE HÁ PRAZER
É NESSE RANCHO QUE EU DANÇO COM VOCÊ

DIVINA FOLIA, PORTAL DA ALEGRIA
DO BEIJO DA PAZ E DO AMOR
NOS ANÉIS DA LUA, BAILANDO TÃO NUA
SE ENCANTA COM O SEU ESPLENDOR
DAS ORLAS DOS CÉUS AO SOM DOS TAMBORES
EMANAM AXÉIS DOS ORIXÁS
PAIXÃO, POESIA, ENCANTO E MAGIA
SÃO CRIAS DOS DEUSES YORUBÁS
A LUZ DA SALA DO TRONO
DAS DIVINDADES E DOS NOSSOS REIS
ARLINDO, JOÃOZINHO, PAMPLONA
ASCENDE A CHAMA DO SALGUEIRO OUTRA VEZ

COM MEU SALGUEIRO AMOR
AO PARAÍSO EU VOU
NO PALCO DA ALEGRIA UNIVERSAL
SOU DANTE CANTANDO, BRINCANDO E SAMBANDO
NA DIVINA COMÉDIA DO CARNAVAL



TIÃOZINHO DO SALGUEIRO, BELLO DO ANDARAÍ

REGINALDO MACAÉ, CÉSAR REIS E MARALHAS
INTÉRPRETE: PIXULÉ

SALGUEIRO!
A ENERGIA QUE INFLAMA
ACENDE A CHAMA DESSA ALEGRIA INFERNAL
NA DIVINA COMÉDIA DO MEU CARNAVAL
EMBARQUEI NUMA LOUCA VIAGEM
CRIEI CORAGEM! NOSSA BARCA NÃO PODE VIRAR
AH! MAS QUE CALÔ Ô Ô
NA BATALHA DE CONFETE E SERPENTINA
COM OS “TENENTES DO DIABO” EU VOU
BRINCANDO NO FERVOR QUE ALUCINA

AMOR, MEU AMOR ESSA ONDA ME LEVA
AO REINO DAS TREVAS… DELÍRIO OU RAZÃO?
SOU DANTE O POETA DA UTOPIA
MINHA POESIA É PRO SEU CORAÇÃO

PEQUEI POR PRAZER… FUI PERDOADO
EM ÁGUAS DIVINAS PURIFICADO
VI RANCHOS ORNADOS DE FLORES
MATIZES DO BELO JARDIM
ENFIM… ATRAVESSEI O PORTAL DO CÉU DE FANTASIA
E APORTEI NO PARAÍSO DA MAGIA
AÍ… O LINDO CORSO ENTROU EM CENA
MINHA VISÃO INSPIROU UM POEMA
COM LUXO E RENDAS A PALHA A BRILHAR
QUEM VEM LÁ É SANTÍSSIMA TRINDADE DA FOLIA
OS GÊNIOS DA ARTE
BORDANDO O ESPLENDOR DA ACADEMIA

RUFAM OS TAMBORES PRA LOUVAR
NO ORUM… OS DEUS DE YORUBÁ
E COM REIS NEGROS DESSE TERREIRO
FAZ A FESTA MEU SALGUEIRO



GRASSA RANGEL, OLÍMPIO
MARCÍLIO DO SALGUEIRO 
E ERIK RANGEL
INTÉRPRETES: GRASSA RANGEL, OLÍMPIO E ERIK RANGEL

ACENDE A CHAMA MEU SALGUEIRO
EU SOU POETA DO MUNDO IRREAL
DEIXA ESSE INFERNO DIVINO
GERAR O DESTINO DO MEU CARNAVAL
CANTA… UMA FEBRE LOUCA EM CADA OLHAR
E O MAL VEM NO CORTEJO
SOLTA AS FERAS DO DESEJO
DO PAVOR DA INSA… NIDADE
EU VOU PURIFICAR O MEU CORAÇÃO
DAS TREVAS DA MALÍCIA E SEDUÇÃO

NO BALANCÊ… VOU BALANÇAR
VOU MANDAR A TRISTEZA EMBORA
MINHA ALMA LIBERTAR
É NOS TAMBORES E NA FÉ NOS ORIXÁS
VOU CANTAR PRA FURIOSA
E PROS DEUSES DE YORUBÁ

A LUA VEM CAINDO EMBRIAGADA
DERRAMA LÁ DO CEU SEU ESPLENDOR
ILUMINANDO A FARRA DA JORNADA
COLORINDO DE SAUDADE MEU DESTINO, MEU AMOR
O DEUS QUERUBIM O REI E O TROVÃO
SÃO COISAS DA GENTE DO CORPO E DA MENTE
GUARDADA EM NOSSAS TRADIÇÕES
(VEM AMOR)
VEM AMOR ESTÃO CHEGANDO AS FLORES
VEM VEM, VEM SER A SAGA DOS HORRORES
FOI NESSE CAMINHO A HISTÓRIA PROPÔS
SOU D’ANTES, SOU D’AGORA, SOU D’POIS

PRA QUE SONHAR SE ESTOU NO PARAÍSO
DEIXA ROLAR SEM MEDO, SEM JUÍZO
O SALGUEIRO ME DESPERTA
O PECADO É A PORTA ABERTA
PRA ME LIBERTAR



ADILSON R. ALVES

INTÉRPRETE: PACHECO

EMBARCO COM ALEGRIA E EUFORIA
INFERNAL E SEDUTOR
BUSCO COM ALEGRIA E EUFORIA
OS MISTÉRIOS DO SEU ESPLENDOR
É FESTA NAS TREVAS – QUE LOUCURA!
OBSERVA A CRIATURA SEUS FIEIS SUBORDINADOS
NO PURGATÓRIO OS SETE PECADOS CAPITAIS
PRO CORDÃO DOS PENITENTES
SÃO PEÇAS FUNDAMENTAIS

DEIXE A SAUDADE BATER
E O CORAÇÃO ACELERA
SALGUEIRO, A MAGIA DOS RANCHOS
JAMAIS SE APAGARÁ

QUANTA BELEZA A NATUREZA NOS BRINDA
REDENÇÃO SEJA BEM VINDA
AO SEU VERDADEIRO LAR
O CORSO TRAZ ALUCINAÇÕES ASTRAIS
DA ACADEMIA PARABÉNS
MAGOS VOCÊS SÃO DEMAIS

SOB O AXÉ DOS ORIXÁS
SALGUEIRO FAZ SUA HOMENAGEM AFINAL
AOS DIVINOS MESTRES – QUE SAUDADE!
DA SANTÍSSIMA TRINDADE DO CARNAVAL



CÉSAR VENENO, MARCELO MINEIRO, RENATO PENNA

JOSY PEREIRA E SERGIO NILO
INTÉRPRETES: SERGINHO GAMA E MARCELO LANES

O SALGUEIRO ME LEVA
NO EMBALO DA FOLIA (OBA OBA)
QUE INFERNO OS SALÕES
É UMA FEBRE DE ALEGRIA
BATALHA DE CONFETE E SERPENTINA
E O BLOCO DOS MASCARADOS
CLARINS, PARA OS TENENTES DO DIABO
AÍ EU ME ACABO
DO ALÉM, GRANDES SOCIEDADES
QUE EUFORIA, TREVAS, CARNAVAL
EU VOU PULAR, EU VOU BRINCAR (EU VOU)
O SAMBA ME CONDUZ
ESSE CORTEJO FASCINANTE, ME SEDUZ

ENTRE CÉU E O INFERNO
NAS ÁGUAS DA SALVAÇÃO
NESSA DIVINA COMÉDIA
SOU ETERNO FOLIÃO

RANCHOS REVELANDO A NATUREZA
O ÉDEM RELUZIU NO MEU OLHAR
CAMINHO DO PARAÍSO
UNIVERSO INFINITO
TENHO VISÃO DIVINAL
DO CORSO ESPACIAL
CHEGO AO ORUN DOS DEUSES
REI NEGRO Ô, RAINHA NEGRA
SALVE A SANTÍSSIMA TRINDADE
VEM DE BERÇO A REALEZA

MESTRE PAMPLONA, TROVÃO
COM JOÃOZINHO E ARLINDO
A ACADEMIA NA AVENIDA
É PURA EMOÇÃO



HERMÍNIO

INTÉRPRETE:

NAVEGUEI
NO RIO DE ESCALDANTES TENTAÇÕES
SE ESSA BARCA NÃO VIRAR
NO BALANCÊ EU CHEGO LÁ!
OUÇO VOZES DO ALÉM
EM LADAINHA PROFANA, INFERNAL
ASSOMBROSAS CRIATURAS
NAS GARRAS DA FOLIA E CARNAVAL!

ALÁ LAÔ, MAS QUE CALOR!
EXPLODE A ALEGRIA NOS SALÕES
BATALHA DE CONFETE E SERPENTINA
PIERROT E COLOMBINA
MASCARADOS E O SENHOR DAS TENTAÇÕES

SERÁ QUE É PECADO SER FELIZ
SETE VEZES EU PEQUEI
CORTEI O MAL PELA RAIZ
NAS ÁGUAS PURAS MERGULHEI
NO JARDIM DO ÉDEM EU CHEGUEI
NA EMOÇÃO A PAIXÃO, FAÇO RIMAS DE AMOR
DECANTANDO EM VERSO E PROSA
HINOS EM LOUVOR
SOU A DIVINA COMÉDIA NO CARNAVAL
EU SOU DANTE NO SALGUEIRO, SOU DIVINAL
SUSPENSO NO INFINITO
UM CARROSSEL ENCONTREI
ENTRE AS ESTRELAS DESFILEI

É NO RUFAR DO TAMBOR DA ACADEMIA
MEU AXÉ, ÀS DIVINDADES DESSA FOLIA
NO TEMPLO DA DIVINA CRIAÇÃO
YOURUBÁ, COM SEU ENCANTO E MAGIA



AL-BIG-DAN E GASTÃO

INTÉRPRETE: TAROBA

NA “SELVA” DE QUIMERAS E DELÍRIOS
SALGUEIRO ME ARREBATA E CONDUZ
MEU CORAÇÃO QUE SE ATIÇA
A “DIVINA COMÉRIDA” MESTIÇA
NESSA ODISSÉIA SOU ERRANTE, SOU POETA
DAS CHAMAS ARDENTES REPLETAS
LÁ NO “INFERNO” EMBARQUEI AS PROVAÇÕES
NO PURGATÓRIO É FRENÉTICA SINA
ARLEQUIM, PIERRÔ, E COLOMBINA
SOU “TENENTE DO DIABO”, PERTINENTE “MASCARADO”
NESTE RIO DE CONFETE E SERPENTINA

POR SETE”PECADOS CAPITAIS” PADECI
NOS “RANCHOS E CORDÕES” ENLOUQUECI
A “ORUM” PERDÃO POR TRÊS DIAS
PRA MERGULHAR NO “CALDEIRÃO DESSA MAGIA”

LABAREDAS NA SUSNTUOSA GALERIA
“A CORTE PAGÔ “DANTE” DANDO UM SHOW DE ALEGRIA
NO “QUILOMBO” BRADEI, ALFORRIA
“XICA DA SILVA” QUE SEDUÇÃO
REI NEGRO NO REIZADO E NA FOLIA
NÃO FOI EM VÃO NA “ILHA DA ASSOMBRAÇÃO”
BRILHO, MIRAGENS NAS MINAS DO REI SALOMÃO
UMA APOTEOSE TRIUNFAL
NA CANGIRA YOURUBÁ KAÔ AGÔ PAI OXALÁ

SOU DIPLOMADO NA “ACADEMIA”
DO “SALGUEIRO NOSSO DE CADA DIA”
DE VERMELHO E BRANCO EU VOU
COM PAMPLONA, ARLINDO E JOÃOZINHO TRINTA



LUIZ DE OLIVEIRA, ANDRÉ QUINTANILHA
CARLÃO DO CARANGUEJO

FILIPE DA ILHA E RENANTINHO DA OFICINA
INTÉRPRETE: RICO MEDEIROS

VEM SALGUEIRO
AVENTUREIRO DA ILUSÃO SE FAZ REAL
DIVINA COMÉDIA,
RIO DE JANEIRO, CARNAVAL

DE “PEITO ABERTO” LÁ VOU EU
ME ENTREGAR ÀS FANTASIAS DA FOLIA
PROFANO REBOLIÇO DOS SALÕES
NESSE CALOR QUE VIRA “FEBRE DE ALEGRIA”
O SAMBA NESSA “PROCISSÃO PAGÔ
ACENDE AS CHAMAS PRO SENHOR DAS PROFUNDEZAS
FOI REUNIDA A LEGIÃO DO “REI DO MAL”
VEM DAS TREVAS, LAVA A ALMA NESSA FESTA TRIUNFAL

TUDO É MARAVILHOSO E VEIO ME SEDUZIR
DÁ LICENÇA MEU AMOR, CHEGOU A HORA DE PARTIR
DO PECADO DA LUXÚRIA VOU “SAIR” PRA ME SALVAR
VOU SALGUEIRAR…

SOMOS PECADORES PENITENTES
NESSA “GUERRA ENVOLVENTE”
EM BUSCA DA SALVAÇÃO
QUERO MERGULHAR EM ÁGUAS CLARAS
ENCONTRAR FELICIDADE E A PURIFICAÇÃO
UM “REINO DERRADEIRO”
ABRE AS “PORTAS DO UNIVERSO” PRA SAMBAR
VOU CHEGAR AO PARAÍSO
COM “TAMBORES FURIOSOS”
“AFRO-DEUS” YOURUBÁ
QUE VEM SINCRETIZAR A MINHA FÉ
ARLEQUIM CELESTIAL, MENINO COROADO
UM MESTRE DIVINAL, SAGRADA ACADEMIA
O “DANTE DO MEU SER” FOI LIBERTADO



SANDRO COMPOSITOR, ENRIQUE RAE TECH, RODRIGO

FÁBIO MARTINS, IRAPUAN STRAUSZ E FELIPE ARTHUR
INTÉRPRETE: DANIEL SILVA

SOU DANTE E VOU ATRAVESSAR AS TREVAS
AS FÚRIAS VÃO TREMER
É CHAPA QUENTE A FURIOSA NA AVENIDA
SALGUEIRO! BOTA PRA FERVER
AQUECE A BOEMIA E O POETA
NA BARCA DO PRAZER
SE NÃO VIRAR É CADA UM SOLTANDO A FERA
EU QUERO VER!

BALANÇA TENTENTE NO CALOR DA FOLIA
LOUCA FANTASIA O REI TRIUNFAL
ACHEI A FONTE QUE EU QUERIA
PURIFICAR CADA PECADO CAPITAL

VI RANCHOS NA BELEZA DAS FLORES
A NATUREZA EM COMUNHÃO
JARDIM DO ÉDEM LIMPIU MEU CORAÇÃO
INFINITO TÃO BONITO O CORSO ESPACIAL
ESTRELAS AO LUAR ALCANCEI A PAZ CELESTIAL
TEM MAGIA SINFONIA TAMBORES DA NAÇÃO YORUBÁ
NO PORTAL DA CRIAÇÃO ORUM DOS DEUSES A BRINCAR
NA ARTE DE ARLINDO E JOÃO! DA ACADEMIA
PAMPLONA É O DEUS DA VOZ DE TROVÃO!

FIZ A TRAVESSIA, BRINQUEI CARNAVAIS
LOUVEI A TRINDADE DOS MEUS IMORTAIS
PAIXÃO QUE ME GUIA NO AMOR VERDADEIRO
MEU PARAÍSO É O SALGUEIRO!



CESAR NASCIMENTO, LEANDRO BARROS E MARCELÃO

INTÉRPRETE: NIU SOUZA

VOU EMBARCAR NO RIO DE ARDENTES TENTAÇÕES
NO BALANÇAR DE LÁ PRA CÁ, ME AVENTURAR
“SE ESSA BARCA NÃO VIRAR”, EU VOU
ENTRE DELÍRIOS E LOUCAS FANTASIAS
NAS GARRAS DA FOLIA, “MAS QUE CALOR… Ô Ô Ô”
QUE BELEZA A PROCISSÃO PAGÃ, O SOM DOS CLARINS
PEDEM PASSAGEM OS TENENTES DO DIABO
A ALUCINAÇÃO É GERAL, A ORDEM DO REI
É SE ACABAR NO CARNAVAL

PECADO É NÃO SE ENTREGAR
VOU PARTIR, MAS VOU VOLTAR
RESIDE UM POETA EM CADA UM DE NÓS
CANTA SALGUEIRO EM UMA SÓ VOZ!

ENTÃO SIGO A MINHA TRAJETÓRIA
LEVADO PELO CORDÃO DOS PENITENTES
ONDE PODE TUDO, TUDO PODE SER
SEM CULPA, SEM MEDO EM NOME DO PRAZER
QUEM SOU EU, DIANTE DE TANTO ESPLENDOR?
ESTOU NO PARAÍSO? DIGA-ME QUEM EU SOU
VI FLORES TÃO BELAS, LINDOS ANIMAIS
NO CÉU DE ESTRELAS, CORSOS ESPACIAIS
E A NOSSA ACADEMIA É SAUDADE
RELEMBRANDO A SUA TRINDADE
NO RUFAR DOS TAMBORES EM ORUM
AXÉ MEU PAI! SALVE OS ARTISTAS GENIAIS!
ESTRENIZADOS EM GRANDES CARNAVAIS

DIVINA COMÉDIA NUNCA DANTES VISTA
SOU POETA, PEREGRINO E VENHO ANUNCIAR
A VERDADEIRA FELICIDADE
É A VIDA CARNAVALIZAR



BAEZ, AKIM E OSCAR

INTÉRPRETE:

O MUNDO ACABA EM CINZAS
PARAR RENASCER DAS CHAMAS
COM MINHA ALTA ESTIMA NAVEGANDO POR UM RIO
DE ESCALDANTES TENTAÇÕES
LÁ VOU EU, TANTAS VOZES ECOANDO PELO AR
FAZ DA VIDA ASSOMBRADAS
FANTASIAS QUE NÃO DÁ PRA IMAGINAR
ARDENDO DE EUFORIA NOS SALÕES
MASCARADOS, MIL CONFETES, SERPENTINAS
REBOLIÇO EMBALANDO FOLIÕES
UM CENÁRIO GRANDIOSO EM OBRAS PRIMAS

É PRECISO MERGULHAR NAS ÁGUAS PURAS
PELAS TRILHAS AVANÇAR LÁ NAS ALTURAS
PERCORRER O PARAÍSO DO BEM E DO MAL
A DIVINA COMÉDIA DO CARNAVAL

ORNAMENTOS GRANDIOSOS MULTICORES
MOLDAM O TEMPLO DE YORUBÁ
SINTO NO PULSAR DA MAGIA DA DIVINA CRIAÇÃO
APOTEOSE ECOANDO OS TAMBORES EMBALANDO A MULTUDÃO
QUERUBINS DESTAS FESTANÇAS E DE GRANDES TRADIÇÕES
ALTAS FERAS DE ORUM DO SUPREMO DEUS TROVÃO

NO BONDE DA ACADEMIA HÁ UM DANTE ENTRE NÓS
BALUARTES DO SALGUEIRO E DE TANTOS CARNAVAIS

Comentários

Comentários